Agora parece que não tem mais mais volta. A No Stopping Tour será anunciada às 5h da manhã desta segunda-feira (horário de Brasília) e passará por Reino Unido e Europa. Todo o staff dos Rolling Stones está mobilizado para que a banda volte para a estrada entre os meses de maio e julho.

Desde meados da semana passada começaram a aparecer cartazes pelas ruas das cidades que receberão shows. Primeiro, eles diziam apenas “No Stopping”, com a mesma linha de design usada na No Filter Tour do ano passado. Desde ontem há peças mantendo a logotipia de 2017 e acrescentando a data de 26/02/2018 e registrando abaixo o horário de 5h (já estamos considerando o fuso-horário de Brasília).

Quando ainda estávamos em Paris para os últimos três concertos de Paris, já falávamos sobre a possibilidade de a banda seguir com mais apresentações neste ano. E aqui estamos nós.

Se não houver alterações de última hora, os Stones farão shows em Dublin, Londres (três apresentações), Manchester (duas gigs), Southampton, Birmignham, Edimburgo, Berlim, Stuttgart, Marselha, Varsóvia e Praga.

A venda de ingressos deve começar em breve. Portanto, esteja preparado.

Dicas para marinheiros de primeira viagem

  1. Tenha seu cartão de crédito internacional pronto e com bom limite disponível. Os ingressos devem começar a ser vendidos em seguida.
  2. Sempre que houve a possibilidade, opte por e-ticket, assim você printa seu ingresso na hora e está tudo resolvido. Se não houver esta possibilidade, você poderá certamente pedir para que entreguem o bilhete em casa. Certifique-se que o prazo de entrega é suficiente para você ter o bilhete antes de viajar. Caso contrário, escolha retirar o ticket no local do show ou peça para enviarem para o lugar onde ficará hospedado (confira antes por e-mail se o hotel disponibiliza esse serviço).
  3. Escolha sempre que possível hotéis em regiões centrais, que tenham fácil deslocamento por transporte público (metrô, ônibus). No entanto, mesmo se o hotel não for tão central assim, escolha um que tenha estação de metrô próxima.
  4. Compre chips para ter acesso fácil à Internet. Isso é uma mão na roda. Como o Google Maps, você coloca o lugar para onde quer ir, e ele indica todo caminho. Você não vai se perder nunca e irá ganhar muito tempo e economizar dinheiro. Pesquise a respeito, há boas opções no mercado. Um deles é o EasySim. Eu já usei e vários amigos usaram também por Europa e Estados Unidos. Funciona muito bem.
  5. Antes de comprar passar e reservar hotel, faça boa pesquisa por sites e aplicativos como Decolar, Booking, Trivago, Google Flights. Eles vão te ajudar a ter os melhores preços. Quanto mais flexibilidade de datas e destinos você tiver, mais chance terá de encontrar promoções.
  6. Os estádio usualmente não são em regiões centrais. Por isso, pesquise com antecedência como chegar até ele por transporte público. Costuma ser bem fácil. Caso você esteja em um grupo de 3 ou 4 pessoas, pode cogitar pegar um Uber e dividir a despesa. Pode ser opção mais confortável e econômica, especialmente se na volta você perder o horário do metrô.
  7. Dica que parece idiota, mas que é vital. Pesquise como são as tomadas do país para onde vai e compre adaptadores no Brasil. Você não vai querer ficar sem carregar o celular. Outra dica é comprar essas baterias extras. Elas funcionam muito bem e te dão uma tranquilidade enorme.

Bom, esperamos ter ajudado e que possamos encontrar o maior número de leitores possível na estrada durante a No Stopping Tour.


O DVD da Olé Tour-2016 está em estoque e temos pronta entrega. Compre o seu clicando aqui.

Comentários

comentários