Depois de levar uma reprimenda de Mick Jagger, Ronnie veio a público desmentir que houvesse dito que a banda estaria em estúdio em breve para começar a trabalhar em algumas ideias e tirar a ferrugem. Segundo o próprio Ronnie, Mick lhe disse: “Que diabos é isso? Nós não estamos sabendo de nada disso!”.
A seguir, Ronnie pediu desculpas aos fãs, que estão ansiosos por notícias sobre as comemorações dos 50 anos dos Stones e culpou a mídia, que teria distorcido aquilo que ele disse. “Eu apenas expressei que eu gostaria de estar em estúdio com os Stones”, referiu Ronnie. “Vamos comemorar o aniversário, mas só iremos saber o que faremos nos próximos meses”, finalizou.
Nota do blog: Realmente alguns veículos de imprensa, como é costume, distorceram um pouco o que Ronnie disse, mais por falta de informação do que por outra questão. Ele jamais mencionou sessões de composição, de gravação ou ensaio para tour. Ronnie afirmou que estariam em estúdio para tocar, tirar ferrugem, mais ou menos como as sessões de dezembro. De qualquer maneira, Ronnie fez a declaração de que os Stones estariam juntos em estúdio.
Quando os Stones tiverem algo a anunciar, será feito em entrevista coletiva, convocada por Mick Jagger e apenas ele decide o que e quando a banda irá fazer. Manifestações de vontade de Keith, Ronnie ou Charlie tem quase o mesmo peso do que a manifestação de qualquer fã. Até que Mick diga: “vamos gravar, vamos sair em tour”, não acontece nada. Essa é a história dos Stones e, principalmente, assim são organizados os negócios da banda de longa data.

Comentários

comentários