O presidente dos Stones Vikings, Vilhelm Örtendahl, teve acesso ao dvd incluído do Superdeluxe Box Set do Exile on Main Street. Vilhelm publicou o review nos messageboards Shidoobee e IORR. Abaixo, estamos publicando a tradução.

Vilhelm Örtendahl (Review)
Tradução: Danny

Primeiro, há o menu, baseado na capa do disco, e você vai encontrar quatro opções de começo: “Play All”, “Stones In Exile”, “CS Blues”, “Ladies and Gentleman” e “legendas” (ele viu a versão britânica). Há legendas em inglês, francês, alemão, espanhol, português e italiano (a versão americana talvez não traga legendas).
Escolhi a opção “Play All”, e então Stones In Exile começa. Contém entrevistas com a banda, Jimmy Miller, Anita Pallenberg, Jake Weber, e vídeos caseiros filmados em Nellcote e em Los Angeles. Alguns closes, por exemplo, de garrafas de vinho, pontas de cigarros, talvez filmados por razões “artísticas”, não sei quem dos que estavam em Nellcote faria isso. De qualquer forma, temos cenas do porão, Mick com uma camiseta branca em estilo flamenco, Keith e Bobby Keyes tomando banhos juntos.
Você vai ouvir trechos de músicas em progresso durante as cenas no porão, é interessante. O primeiro dos entrevistados é Bill, se eu lembro direito. Depois de Nellcote, eles se mudam para Los Angeles, onde vemos rápidas cenas do estúdio, e Mick falando de como eles se sentiam praticamente esgotados durante as gravações.
Depois começam as cenas do Cocksucker Blues, algumas de bastidores, hotel, (sim, o “incidente” com a TV está incluído), então a cena das groupies no avião, embora que um pouco censurada. Keith pedindo frutas do quarto 255 de um hotel, um trecho da entrevista com Mick e Keith, em que eles respondem perguntas sobre as gravações do Exile.
Charlie olhando comerciais do remédio Excendrine, na TV. Trechos de Brown Sugar e Satisfaction com Stevie Wonder também estão incluídos. As cenas do show são as com melhor qualidade de imagem, as partes preto e branco são “granuladas”, mas muito melhores do que no bootleg.
O que vem depois é Happy e All Down The Line do Ladies and Gentleman, e aqui as coisas começam a acontecer: a imagem é clara, sem borrões, mas ainda não 100%, mas você não irá se importar, porque é a melhor que já vimos. E o som, mesmo sendo apenas stereo (eu achei que haveria mais opções quando fosse lançado), é muito bom, você vai ouvir TUDO.
O DVD não é a versão completa, dura cerca de meia hora. É curto, mas promete que mais coisas boas virão pela frente. Na foto, Vilhelm Örtendahl.

Comentários

comentários