Com casa cheia, com um público animado, o espetáculo Start me Up estreou neste domingo, no Teatro UMC, em São Paulo. O show de duas horas revisitou grande parte dos 55 anos de carreira dos Rolling Stones. Com uma produção caprichada, a banda superou o nervosismo da estreia e empolgou as 290 pessoas presentes. O musical tem apoio de Stones Planet Brazil e em breve deve viajar por outras cidades brasileiras.

Depois de uma breve narração feita por uma apresentadora em vídeo exibido pelo telão, o show segue uma ordem mais ou menos cronológica, largando logo de cara com Satisfaction. Sem a menor dúvida, o grande destaque do show  é a performance de Fernando Mello (Mick Jagger) e Marcelo Ceglie (Keith Richards), os mais experientes no que diz respeito a tocar Stones entre os músicos do show. Os dois foram praticamente perfeitos. Mello esbanjou carisma e mostrou realmente ter estudado todos os trejeitos e movimentos de Jagger.

A entrada de um Brian Jones tocando cítara em Paint It Black fez muitas pessoas voltarem no tempo. Talvez visualmente tenha sido o momento mais emocionante da noite.

Como todo show em sua primeira apresentação, obviamente houve alguns erros, detalhes que serão ajustados para que musicalmente o espetáculo seja mais fiel ao estilo dos Stones, mas nada que facilmente não seja solucionado. Com certeza o público se divertiu bastante. No final, todos cantaram e dançaram ao som de Start me Up, a melhor interpretação musical da noite. 

“Eu estava muito nervoso antes do show, mas quando começou eu fiquei muito tranquilo”, disse o guitarrista Marcelo Ceglie. “Nós estamos muito animados com o resultado e vamos trabalhar para fazer shows ainda melhores”, acrescentou.

O baixista e diretor do espetáculo, Ricardo Junior, relata que já há negociações para que novas apresentações ocorram em outras capitais pelo País. Porto Alegre deve ser uma delas, com possibilidade de show em abril deste ano. Os detalhes ainda estão sendo ajustados e nós iremos divulgar todas as informações quando for possível. Evidentemente, Stones Planet Brazil seguirá com a parceria com os organizadores do espetáculo e dando total apoio à continuidade do projeto.

 

Comentários

comentários