Se existe uma banda no mundo capaz de superar a tudo e a todos para seguir sempre em frente e em alto nível, seguramente são os Rolling Stones. Mick Jagger e companheiros fizeram show deslumbrante na noite desta sexta-feira (21.06), em um Soldier Field tomado por mais de 55 mil pessoas.

Obviamente havia expectativa sobre como seria o retorno de Mick depois de precisar adiar o começo da No Filter Tour para ser submetido a procedimento cardíaco. Jagger cantou, dançou, rebolou e percorreu todo o imenso palco durante mais de duas horas de show como se nada tivesse acontecido.

E neste ponto é preciso destacar que os Stones parecem mesmo indestrutíveis. Keith passou por cirurgia cerebral, Ronnie e Charlie tiveram câncer, Mick passou por intervenção no coração e todos seguem firmes e fortes.

A grande novidade de noite foi Sad Sad Sad, que não era tocada desde o show do Palais Royale, em Toronto, em 2002. Mick pegou a guitarra em open G e fez bela interpretação. A outra “surpresa” da noite foi o set acústico.

Mick, Keith, Charlie e Ronnie foram para o palco B, onde tocaram Angie e Dead Flowers. Funcionou muito bem e certamente será repetido nos demais concertos da tour.

Keith estava bastante concentrado. Deu alguns sorrisos, mas durante a maior parte do tempo esteve preocupado em tocar guitarra, deixando a parte de entretenimento de massas para Mick e até para Ronnie.

O Soldier Field estava completamente lotado. Não havia espaço para uma pulga a mais. A atmosfera do show foi ótima. Há grande expectativa para a segunda-noite de Chicago, na terça-feira (25.06).

Caravana de fãs

A possibilidade de encontrar antigos amigos dos mais variados cantos do mundo é sempre muito agradável.

Os Stones proporcionam que os fanáticos tenham oportunidade de se reencontrarem a cada tour. São fãs brasileiros, argentinos, chilenos, alemães, japoneses, ingleses, mexicanos, italianos, americanos, canadenses e de quantos mais países você puder lembrar.

É ótimo poder saber que a cada tour você verá seus amigos de tantos shows e aventuras compartilhadas.

O circo continua em Chicago e seguiremos por aqui acompanhando os Stones de perto.

lo

 

Comentários

comentários