Finalmente nos demos ao trabalho de buscar mais elementos sobre prisão de Theodora Richards, que foi vítima de uma grande perseguição promovida pela polícia norte-america e pela justiça local. Não satisfeitos em perseguir Keith durante décadas, agora as autoridades voltaram-se contra os filhos do Stone.
A história é ridícula. Theo foi presa porque pichou em grafia minúscula as letras T e A com um coração entre elas. Segundo a jovem de 25 anos explicou, as letras queriam dizer “Theo ama Alexandra”, uma referência à sua irmã mais nova. O “crime” foi cometido na última terça-feira, na parede do convento Santo Antônio.
Theodora foi levada na quarta-feira ao Tribunal Criminal de Manhattan e foi solta sem pagar fiança. De qualquer maneira, ela foi acusada de pichação, posse de maconha e de umas pilulas para controlar ensiedade. A guria terá de voltar ao tribunal no dia 21 de abril.
Segundo as autoridades, Theo estava “desfigurando propriedade pública”.
Ah, francamente. Vão arrumar o que fazer. Chamar isso de ridículo é elogio.
Olhem que baita crime.Para descontrair, vamos postar charge assinada por Sean Delonas no NY Post.

Comentários

comentários