De acordo com o jornal The Mirror, Mick Jagger passará por cirurgia e precisará de quatro de semanas de recuperação. O periódico não revela qual teria sido o problema. O Telegraph afirma que Jagger teve um problema físico ao treinar para tour. Mas ele foi visto em Miami caminhando, sorrindo e desfrutando o dia com a namorada e uma de suas filhas. Uma terceira versão é que Jagger passaria por cirurgia cardíaca para substituição de uma válvula.

O Mirror cita fontes que teriam dito que Mick tentou de tudo para não precisar adiar a No Filter Tour, mas acabou tendo de ceder, já que sua saúde precisa vir em primeiro lugar.

Em contato com pessoas próximas a Jagger, Stones Planet Brazil ouviu que não há razão para preocupações e que o Stone estará recuperado em seguida. “Ele está bem, não precisam ficar preocupados”, disse a fonte.

Mick foi visto sorrindo ontem com a filha Georgia em Miami

A enfermidade teria sido descoberta quando todos os Stones passaram pelo check-up de pré-tour, que é obrigatório em virtude do seguro que é feito para os shows. Nos exames, alguma coisa foi descoberta que teriam forçado Jagger a adiar os planos.

Lesão nos treinos

Segundo o Telegraph, Mick teria sofrido lesão física quando estava treinando para tour. Mick foi visto hoje (31.03) ao lado da filha Georgia caminhando e sorrindo. Pouco depois vazaram fotos dele novamente com a filha e a namorada Melanie Hamrick na praia.

Cirurgia cardíaca

Hoje (01.04) apareceu mais uma versão. Segundo o site Media ITE, Mick passaria por cirurgia cardíaca para substituição de uma válvula esta semana. Como ele tem excelente saúde, o índice de recuperação total seria de 95%. Mas isso, de novo, é mais uma versão que pode ser certa ou não.

Sem drama

Ou seja, ao que tudo indica Mick está bem e no menor prazo possível ele estará de volta aos shows. Todas as fontes dizem que a recuperação será total e que Jagger poderá voltar ao trabalho. Aos 75 anos, Mick goza de boa saúde e os únicos problemas conhecidos que ele teve nos últimos anos não passam de gripes e infecções na garganta.

Desta maneira, caso a informação do The Mirror esteja correta, a tour não deve ocorrer antes de agosto ou setembro. Já se o Telegraph tiver a versão certa, antes de 30 dias teremos novas datas. Se a terceira versão for a real, vamos ter de esperar para ver.

É preciso ficar bem claro que não existe informação oficial e que nenhum detalhe sobre a saúde de Mick foi divulgado oficialmente.


 

 

Comentários

comentários